Imagem de Fundo

I&D

A Companhia das Lezírias tem uma longa tradição de pioneirismo e inovação no sector agroflorestal.

É, pois, com naturalidade que tem vindo a apoiar diversos projetos de investigação relacionados com as suas áreas de atividade, quer participando ativamente quer financiando ou, apenas, disponibilizando espaço e recursos.

No âmbito da iniciativa Business & Biodiversity, a Companhia das Lezirias estabeleceu um compromisso com o Instituto de Conservação da Natureza e Biodiversidade (ICNB) para o desenvolvimento de várias linhas de investigação aplicada.

manager.fields.left_image
manager.fields.right_image

Diversidade e abundância de mamíferos como resposta ao multi-uso e às práticas de gestão

Estudo das espécies de mamíferos que ocorrem, sua abundância e dispersão na Charneca da CL, bem como os fatores que as condicionam, nomeadamente no que respeita as práticas de gestão. Apoia e monitoriza o estabelecimento de corredores ecológicos entre zonas de abundância mais elevada e sem conexão.

Tem-se constatado uma elevada diversidade de mamíferos, estando esta associada à presença de linhas de água e a paisagens heterogéneas. Os menores índices de diversidade e abundância estão relacionados com maiores intensidades de pastoreio e habitats mais simplificados. Está em curso a instalação de uma sebe viva com vista à constituição de um corredor ecológico.

  • FCUL, Centro de Biologia Ambiental
  • Coord. Cient. Profª. Margarida Santos Reis
  • Dr.ª Paula Gonçalves
  • Dr.ª Sandra Alcobia
  • Financiamento: INAlentejo (QREN)
  • Duração: 2007-2012
  • Investimento total: 292.852 €
  • Financiamento público: 175.711,2 €
  • Financiamento privado (CL): 117.140,8 €

http://www.springerlink.com/content/b27106xxp5l88140/

Reabilitação de linhas de água de regime torrencial: contribuição para a biodiversidade do montado

Proteção e recuperação da vegetação numa linha de água de regime torrencial com cerca de 7 km. Monitorização das aves ao longo da linha de água protegida e das testemunhas. Foram realizadas intervenções ao longo de 5,30 Km de linha de água com regularização do leito, colocação de vedação para proteção ao gado e plantação de salgueiros, freixos e roseiras bravas.

  • Universidade de Évora, LabOr – Laboratório de Ornitologia
  • Coord. Cient. Profª. Margarida Santos Reis
  • Coord. Cient. Prof. João Rabaça
  • Dr. Carlos Godinho
  • Dr. Pedro Pereira
manager.fields.left_image
manager.fields.right_image

Projecto TytoTagus: dispersão pós-natal de Coruja-das-torres no Vale do Tejo

Estudo da biologia da dispersão das corujas que se concentram em grande número durante o verão na Lezíria Sul. Foram instaladas 16 caixas ninho que apresentaram produtividade média de 2,2 juvenis voadores/ninho. Estas aves foram anilhadas e algumas marcadas com rádios transmissores, o que permitiu a caracterização geral dos movimentos de dispersão pós-natal em termos de fenologia, padrões de aproximação ao estuário e relação com o habitat.

  • Universidade de Évora, LabOr – Laboratório de Ornitologia
  • Coord. Cient. Prof. João Rabaça
  • Dr.ª Inês Roque
  • Dr.ª Ana Marques

 

Impactos da gestão silvo-pastoril e do incremento de cavidades na diversidade de aves e no controlo de pragas florestais

Estabelecimento das relações entre a disponibilidade de cavidades para a nidificação de aves insectívoras do pinhal bravo e do montado e a ocorrência das pragas florestais destes povoamentos.

  • Universidade de Évora, LabOr – Laboratório de Ornitologia
  • Coord. Cient. Prof. João Rabaça
  • Dr. Carlos Godinho
  • Dr. Pedro Pereira
  • Dr.ª Inês Roque
  • Dr.ª Ana Marques

Para os três projectos com a Universidade de Évora:

  • Duração: 2007-2012
  • Investimento total: 249.520
  • Financiamento público: 0
  • Financiamento privado (CL): 249.520 €
manager.fields.left_image
manager.fields.right_image

Reforço das populações de coelhos como medida de conservação de predadores

Apoio científico e monitorização do programa de recuperação das populações de coelhos da CL. Reprodução em cativeiro, captura e repovoamento em áreas com populações muito debilitadas.

  • Univ.Porto - CIBIO
  • Coord. Cient. Prof. Paulo Célio Alves
  • Dr. Pedro Monterroso
  • Financiamento: 12.000 €
  • Duração: anual
  • Financiamento privado (CL): 12.000 €

Diversidade de plantas vasculares na Companhia das Lezírias - Avaliação da diversidade de plantas vasculares e Identificação/cartografia de espécies e habitats prioritários na área da Companhia das Lezírias

Primeiro levantamento de espécies botânicas e habitats prioritários na CL para lá da informação existente e que consta do Plano de Gestão da Rede Natura 2000.

  • Sociedade Portuguesa de Ecologia
  • Coord. Cient. Prof.ª Otília Correia
  • Dr.ª Teresa Mexia
  • Financiamento: 6.200 €
  • Duração: 4 meses
  • Financiamento privado (CL): 6.200 €
manager.fields.left_image
manager.fields.right_image

O montado da Companhia das Lezírias integra o macro-sítio (plataforma Long Term Site for Ecological Research) do montado de sobro

Resumo: A CL e os seus 6.300 ha de montado de sobro passam a constituir um espaço de estudos de longo prazo (mais de 30 anos) para questões de ecologia ligadas ao montado.